• Manejo
  • Queimadas continuam proibidas em Mato Grosso até 30 de setembro

    17/09/2014
    O período proibitivo para queimadas em Mato Grosso continua até o dia 30 de setembro. A decisão em prorrogar o período proibitivo, que terminaria no último dia 15, foi publicada no Diário Oficial do Estado.

    A determinação é em função do tempo seco que deve permanecer em Mato Grosso até a segunda quinzena de outubro. Até lá, a previsão é de chuvas isoladas e a umidade relativa do ar deve continuar abaixo dos 30% no Estado.

     A orientação da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato) é para que os produtores rurais continuem atentos e evitem queimadas em suas propriedades. Uma das técnicas que pode ser adotada para prevenir os incêndios é a construção e a manutenção de aceiros - faixa livre de vegetação onde o solo fica descoberto. "Cabe ao produtor fazer a manutenção anual dos aceiros naturais que podem ser estradas, principalmente nas proximidades de reservas legais e de áreas de pastagem", informa a analista de Meio Ambiente da Famato, Lucélia Avi.

     Outra dica é a construção de locais de captação de água que são pequenos açudes  naturais ou artificiais, essenciais para obtenção de água em caso de incêndios. Em situações de incêndio, o produtor deve coletar o maior número de provas possíveis que evidenciem os danos causados pelo fogo. Uma das medidas é fotografar toda a ação de combate ao fogo. O registro fotográfico é uma das principais provas de que o fogo não foi intencional. Após o controle do fogo, o produtor deve registrar um Boletim de Ocorrência (BO) na delegacia mais próxima. "Além disso, é aconselhável que o produtor identifique e cadastre pelo menos duas testemunhas que possam relatar o ocorrido", acrescenta a analista. Outra orientação importante é contratar um técnico habilitado para fazer um laudo justificando que a origem do incêndio não foi na propriedade.

     De acordo com agrometereologista da Somar Meteorologia, Marco Antônio dos Santos, o clima continuará seco nas próximas semanas em Mato Grosso, com chuvas apenas irregulares. "O clima continuará quente e com a umidade do ar abaixo dos 30%. Chuvas generalizadas somente a partir do dia 20 de setembro, mas mesmo assim a estiagem deve seguir até meados de outubro. Isso por que o fenômeno El Niño perdeu a força antes do período previsto, o que estendeu o período seco na região Centro-Oeste", explica Santos.

     Queimada x Incêndio

    A queimada é uma prática agrosilvipastoril antiga que utiliza fogo de forma controlada para viabilizar a agricultura ou renovar as pastagens. Esta técnica é utilizada pelos índios, quilombolas e na agricultura familiar e empresarial.

     Em Mato Grosso ela é autorizada pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) e apenas no período proibitivo das queimadas (15 de julho a 30 de setembro) é proibida sua utilização para evitar os incêndios florestais. Quando a queimada foge de controle e incide sobre qualquer forma de vegetação de uma propriedade é considerado incêndio. Existem muitos casos em que o incêndio surge por causas naturais, como raios, ou pelo lançamento de fósforos e bitucas de cigarros acesas.

     Para saber mais quais medidas devem ser tomadas para evitar as queimadas na propriedade rural e como proceder em caso de incêndio, acesse o informativo técnico: http://www.sistemafamato.org.br/portal/famato/informativo_completo.php?id=246.

     A Famato é a entidade que representa 87 sindicatos rurais. Junto com o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-MT), forma o Sistema Famato. 

     Fonte: Ascom Famato



  • Planejamento e semente de qualidade são critérios para pasto bem formado

  • O planejamento é um processo fundamental para quem pretende formar, reformar ou recuperar uma pastagem. Existem vários passos que são necessários para que o produtor tenha sucesso nesta empreitada.

    + leia mais
  • Estratégias de suplementação na entressafra

  • Qual melhor caminho a seguir em momentos de mudanças?

    + leia mais
  • Uma nova revolução

  • Eficiência alimentar passa a ser grande preocupação dos principais selecionadores de bovinos do País. A característica promete conferir maior competitividade à produção de carne vermelha.

    + leia mais
  • Genética no tempo, sem artificialismos

  • Respeitando a fixação de características no rebanho ao longo do tempo sem quaisquer maquiagens nas informações observadas e coletadas no campo.

    + leia mais


  • Escreva um comentário



  • *

    *
    *





  • Comentários (0)



  • Criação de sites