• Manejo
  • O destino dos machos leiteiros

    24/03/2021
    Por Revista Leite Integral
    Foto: Divulgação.
     
    De acordo com o Conselho de Desenvolvimento de Agricultura e Horticultura do Reino Unido, cerca de 60.000 bezerros (machos) leiteiros são sacrificados em fazendas a cada ano. O que é equivalente a aproximadamente 15% de todos os bezerros nascidos no Reino Unido.
     
    Para atender os mais altos padrões de bem-estar animal exigidos pelos consumidores, uma medida determinou que os produtores de leite do Reino Unido serão obrigados a encerrar a prática da eutanásia de rotina em machos leiteiros na fase de cria.
     
    O anúncio é parte de um acordo de cooperação intersetorial, entre governo, indústrias e órgãos ligados ao bem-estar animal, como o programa de certificação Red Tractor, que garante rastreabilidade e segurança dos alimentos que saem das fazendas e chegam à mesa do consumidor.
     
    As fazendas que se inscreveram no programa Red Tractor terão até o final de 2021 para ajustar seus manejos e eliminar a praticar da eutanásia como estratégia de rotina para descartar bezerros leiteiros saudáveis.
     
    Aqui no Brasil, ainda não temos medida que regulamente o destino dos bezerros leiteiros, mas o Programa de Certificação em Bem-Estar Animal desenvolvido pelo movimento #bebamaisleite já está alinhado com as normas européias e proíbe o sacrifício desses animais.
     
    Se você é produtor de leite e na sua fazenda o bem-estar animal é levado a sério, envie um e-mail para helena@integralcomunicacao.com
     
  • Agropecuária brasileira ajuda a salvar o planeta, reconhece a Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima

  • A ILPF(integração lavoura-pecuária-floresta), a agricultura de precisão e a tecnologia baseada em ciência já levaram o Brasil ao ser um dos maiores exportadores globais de commodities.

    + leia mais
  • "O Reino de Agrus" se prepara para o futuro e intensifica a adoção de práticas sustentáveis e de bem-estar animal

  • Que ninguém duvide: em breve, a agronomia se casará com a ecologia. Não haverá vencedores. Haverá união", comenta o engenheiro agrônomo e doutor em Administração, integrante do FGVAgro, Prof. Xico Gra

    + leia mais


  • Criação de sites