• Manejo
  • Novilhas de corte: condição corporal visando empenho reprodutivo

    16/09/2014
    O empenho em ganho de peso em fêmeas de corte é importante para todo o ciclo reprodutivo das futuras matrizes.

    Gustavo Melo e Vitoriano Neto*

    Da desmama até a fase de reprodução, o ganho de peso é fundamental para novilhas expressarem todo potencial reprodutivo e estarem aptas. Para animais da raça Nelore, isso significa pesar 300 kg aos 24 meses de idade. Em um diagrama da evolução dos pesos e respectivos ganhos pode-se determinar qual o ganho de peso em cada categoria para que este objetivo seja alcançado:

    No diagrama, observa-se que a fase de recria consiste em, aproximadamente, 510 dias, ou seja, 17 meses (720 dias na concepção – 210 dias na desmama). Neste exemplo, a fêmea desmamou com 180 kg e chegou à idade reprodutiva (24 meses) com 300 kg. Foi necessário um ganho de 235 gramas por dia para que a meta fosse alcançada. Atingir este desempenho parece simples, porém é necessário destacar que este animal provavelmente passará, na fase de recria, por dois períodos de seca e um de chuvas. Na maioria das regiões centrais do Brasil, o primeiro período de seca coincide com o momento pós-desmama. Portanto, ações estratégicas de suplementação devem ser traçadas para a primeira e a segunda seca, de acordo com a condição em que animais estão entrando em cada um destes períodos. A suplementação pode ser baseada em misturas múltiplas de baixo a médio consumo (0,1% a 0,2% do peso vivo, respectivamente) de acordo com a condição dos animais e das pastagens.

    As partir do momento que as novilhas se tornam aptas à estação de monta, deve-se preocupar em mantê-las com um desempenho de ganho de peso para que concluam a estação de reprodução e atinjam a parição com um escore de condição corporal acima de 3 em uma escala de 1 a 5. Para isso, algumas estratégicas de manejo e de suplementação também podem ser utilizadas como, por exemplo, a manutenção desta categoria apartada e privilegiada quanto à qualidade e quantidade dos pastos ofertados. Em relação à suplementação, é importante avaliar os suplementos (misturas múltiplas ou proteinados) que façam com que estes animais atinjam as metas de desempenho citadas anteriormente.

    Garantir uma condição corporal adequada para as novilhas prenhes (escore 3) é essencial para que estes animais, ao parirem, possam ser trabalhadas rapidamente e de forma eficaz visando a estação de monta subsequente.

    *Gustavo Melo e Vitoriano Neto são médicos veterinários da Equipe Rehagro

    Fonte: Rehagro / Rural Centro

     
  • Desafios do mundo pós-pandemia oferecem oportunidades para os jovens do agronegócio

  • Congresso online reúne a nova geração do setor entre os dias 26 e 29 de outubro.

    + leia mais
  • IBGE estima 59 milhões de sacas de 60 kg para a safra 2020/2021

  • Para o conilon, o IBGE estimou uma safra de 14,5 milhões de sacas.

    + leia mais


  • Escreva um comentário



  • *

    *
    *





  • Comentários (0)



  • Criação de sites