• Notícias
  • Maior diálogo entre os elos da cadeia produtiva da carne é o foco da programação da InterCorte São Paulo

    07/06/2016
    Palestras e debates na Bienal de São Paulo nos dias 16 e 17 de junho mostram a importância da integração dos envolvidos na produção e no consumo de carne bovina

    Nos dias 16 e 17 de junho, a Bienal do Ibirapuera, em São Paulo (SP) sedia a InterCorte – InterCorte - Exposição Tecnológica da Cadeia Produtiva da Carne, o evento mais consistente do setor, com uma série de iniciativas e atrações que valorizam a carne.

    A programação do workshop na InterCorte São Paulo foi pensada para começar as reflexões pela ponta da cadeia produtiva: o consumidor, passando pelo varejo, sustentabilidade e comunicação. Em seguida, tratará de tecnologia, questões jurídicas e ambientais, genética, pastagens, gestão, nutrição, sanidade, indústria e políticas públicas. Tudo isso propondo uma visão inovadora da cadeia produtiva da carne ao integrá-la de ponta a ponta e posicionar a carne e seu mercado como a principal estrela.

    “Desde os anos 90, São Paulo ofereceu conhecimentos de ponta sobre novas tecnologias, modelos de gestão e estratégias de comercialização aos pecuaristas que vinham para a capital. Os Congressos Internacionais da Feicorte providenciaram encontros anuais entre pesquisa, indústrias, autoridades, dirigentes de entidades, imprensa e os empresários. Num próximo passo, esse conhecimento foi levado aos produtores nas principais regiões da bovinocultura. Nesses Circuitos colhemos importantes experiências que agora, novamente, serão compartilhadas com o público em São Paulo, em um novo patamar de diálogo da cadeia produtiva”, ressalta o coordenador de conteúdo da InterCorte, Francisco Vila.

    “A proposta da programação da InterCorte em São Paulo é abordar de cadeia de uma forma mais completa, dando espaço a alguns atores que normalmente não costumam participar de forma tão ativa nos eventos pecuários. A InterCorte em São Paulo será um divisor de águas na cadeia produtiva da carne”, afirma Carla Tuccilio, diretora da Verum Eventos, empresa que organiza a InterCorte.

     Congresso do GTPS

    O primeiro dia da InterCorte (16 de junho) é dedicado ao Congresso do GTPS – Grupo de Trabalho da Pecuária Sustentável. A abertura será feita pelo presidente do GTPS Fernando Sampaio, da ABIEC – Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne, que apresentará o Grupo e seus objetivos.

    “Levaremos ao público da InterCorte discussões que envolvem as principais tendências mundiais em originação sustentável, compartilhar iniciativas bem sucedidas de pecuária sustentável e integração da cadeia, e debater como comunicar de forma eficiente aos consumidores como a pecuária é uma aliada ao desenvolvimento sustentável”, destaca Fernando Sampaio.

    Em seguida, haverá a participação em vídeo de Ignacio Gavilan, Diretor de Sustentabilidade do Consumer Goods Forum (CGF), principal organização de bens de consumo do mundo, que reúne fabricantes de bens de consumo e varejistas em prol de práticas empresariais que visem à eficiência e às mudanças positivas para beneficiar clientes, consumidores e o mundo. Ele mostrará ao público da InterCorte as metas específicas para cadeias sustentáveis até 2020. A próxima apresentação será “Sustainable Living (Vida Sustentável)” por Daniel Boer, da Mc Donald’s Corporation.

    Será realizado um painel com representantes dos maiores grupos varejistas que atuam no Brasil, os quais apresentarão cases com parceiros: Confraria, do Pão de Açúcar, Garantia de Origem/Novilho Precoce/Orgânico, do Carrefour e SFX/TNC, do Walmart. A mediação será feita por Alcides Torres, da Scot Consultoria.

    Antes do almoço haverá o lançamento de dois materiais ligados à sustentabilidade: o Manual de Práticas para Pecuária Sustentável, da Associação dos Profissionais da Pecuária Sustentável (APPS) e o Guia de Indicadores da Pecuária Sustentável – GIPS, elaborado pelo GTPS para encorajar todos os elos da cadeia de valor da pecuária bovina a usarem indicadores como uma ferramenta de busca da sustentabilidade.

    O período da tarde tem início com o lançamento em português do Position Paper, documento que foi apresentado na Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática - COP 21, realizada em Paris, no final de 2015, mostrando os avanços do setor e posicionando a pecuária como aliada para o desenvolvimento sustentável.

    O próximo debate é sobre como comunicar os avanços e benefícios ao consumidor de carne bovina, com a participação de Hélio Mattar, da ONG de consumo consciente Akatu, do vice-presidente da CDN Andrew Greenlees, de Cacau Guarnieri da empresa de monitoramento digital NetNexus, do pecuarista e cineasta Caio Penido Dalla Vecchia, Grupo Roncador e Encruzilhada Filmes, e do jornalista Roberto Smeraldi, da Oscip Amigos da Terra e Instituto ATÁ, instituição de Alex Atala. A mediação desse painel também é de Alcides Torres, da Scot Consultoria.

    A conclusão do primeiro dia será com a entrega da 2ª edição do Prêmio GTPS de Jornalismo, seguida de um grande lançamento a ser feito pelo presidente da Embrapa, Maurício Lopes, sobre novas ferramentas para a pecuária de precisão. Em seguida, Lopes participa de um debate com o presidente da John Deere, Paulo Hermann, sobre as novidades apresentadas, mediado pelo coordenador de conteúdo da InterCorte, Francisco Vila.

     Segundo dia de programação

    O segundo dia da InterCorte (17 de junho) começa com a palestra “Regulação ambiental - Os próximos passos depois do CAR – Cadastro Ambiental Rural” por Reginaldo Ferreira Rocha, da consultoria Agrocen. Em seguida, José Vicente Ferraz, da IEG FNP aborda o preço das terras. Ambos protagonizam o primeiro debate do dia mediado pelo especialista em Direito Agrário, João Furlanetto.

    “A pecuária focada no futuro” é o tema da próxima palestra proferida pelo coordenador de conteúdo da InterCorte, Francisco Vila, seguido pela apresentação “A base do lucro está no manejo do pasto”, ministrada por Felipe Daltro, da Dow AgroScienses e José Renato da Silva Gonçalves, da Fazenda Figueira.

    Ainda na programação da manhã, o público confere a palestra “Como as opções genéticas contribuem para o resultado” com Daniel Carvalho, da CRI Genética; “Recria: Aqui dois erros não fazem um acerto!” com Rodrigo Goulart (Cargill – Nutron) e “O que a história de 60 anos ensina para o futuro” com Juliano Acedo (DSM – Tortuga).

    A programação da tarde começa com o painel “Intensificação na Pecuária de Corte e seus efeitos sobre a Sustentabilidade” com a participação de Mauro Lúcio Castro Costa que apresenta o case Paragominas - Um projeto de vanguarda no Pará e Caio Penido, do Grupo Roncador para contar sobre a Liga do Araguaia.

    Em seguida haverá a cerimônia de assinatura do protocolo do convênio de cooperação técnica entre o Grupo Roncador e a TNC (The Nature Conservancy)/ IDH (The Sustainable Trade Iniciatite) para o desenvolvimento do projeto de Apoio à Intensificação e Regularização Ambiental da Pecuária do Médio Araguaia, um projeto da Liga do Araguaia em implantação na região sob a liderança do Grupo Roncador. A parceria engloba ações de apoio e difusão técnica da intensificação sustentável na pecuária de corte da região, remoção de barreiras para intensificação (assistência técnica, crédito rural e adequação ambiental), interligação e restauração de fragmentos florestais e fortalecimento dos Programas de Regularização Ambiental (PRIs) e difusão de lições aprendidas. A assinatura terá a participação do gerente de Conservação do Programa Amazônia da TNC, Márcio Sztutman.

    O próximo debate, intitulado “Estratégias para difusão de modelos sustentáveis”, terá a participação do Diretor Executivo da TNC, Antônio Werneck e do presidente do GTPS, Fernando Sampaio, mediado pelo consultor em sustentabilidade José Carlos Pedreira de Freitas.

    A próxima palestra será “Os 10 mandamentos da sanidade bovina”, proferida por Marcus Rezende (Ourofino Saúde Animal), seguida por “Como construir o diálogo com o produtor” com Fabiano Tito Rosa (Minerva Foods), “Experiência com os programas de fidelidade” por Maurício Manduca (Marfrig), “Ferramentas de acompanhamento e avaliação do abate” com Fabio Dias (JBS). Os palestrantes desse bloco participam do debate “O novo relacionamento do produtor com a indústria”.

    No final da tarde será a vez do painel “Políticas Públicas para a Agropecuária” com a participação do Presidente do IMAC – Instituto Matogrosense da Carne Luciano Vacari, do Presidente da FAMASUL – Federação da Agricultura e Pecuária do Mato Grosso do Sul Maurício Saito, do Secretário da Agricultura do Estado de São Paulo Arnaldo Jardim e do presidente da ABCZ - Associação Brasileira dos Criadores de Zebu Claudio Paranhos.

    A penúltima atração da InterCorte é a premiação “Personalidade Pecuária InterCorte – 2016”, finalizando com a realização do Leilão Pecuária Solidária, iniciativa de responsabilidade social do setor que arrecada recursos que são repassados a entidades comprovadamente com prestação de serviços a pessoas carentes.

     ShowCorte

    Nos intervalos da programação, o público poderá apreciar o ShowCorte, uma iniciativa inédita focada na demonstração, ao vivo, na Bienal, de diferentes cortes de carne, dos mais clássicos aos mais inusitados, e seus diferentes modos de preparo e aproveitamento. Mais do que um show gastronômico, o projeto é uma integração entre a importância da produção pecuária adequada com foco na produção de carnes de qualidade.

    No dia 16 de junho, Jimmy McManis, chef parceiro da plataforma on-line Academia da Carne Friboi, conhecido como “Ogro” em sua atuação no programa Mais Você, da Rede Globo, ministrará uma aula no ShowCorte, das 11h30 às 12h30 sobre cortes de traseiro.

    Na sexta, dia 17, das 15h30 às 16h30, Jimmy “Ogro” e o gerente de originação da JBS, Fábio Dias farão uma aula bate-papo sobre o corte contrafilé com osso, visto sob a ótica do chef e da indústria.

     Sobre a InterCorte São Paulo

    A InterCorte em São Paulo reunirá na Bienal do Ibirapuera projetos, como uma etapa do Circuito InterCorte com palestras e painéis de discussão, feira de negócios em que as empresas de referência do setor apresentam suas novidades tecnológicas, o Caminho do Boi, projeto que mostra na prática de forma interativa a importância da integração dos elos da cadeia da carne; ShowCorte com demonstração ao vivo de diferentes cortes de carne; a Exposição Arte do Boi com quadros, fotografias e esculturas, Livraria Cultura do Boi e Leilão Pecuária Solidária, além da Beef Week, movimento coordenado que envolve a participação de lojas de carne e restaurantes da capital paulista com o intuito de melhorar a percepção dos centros urbanos e dos consumidores em relação à qualidade de carne bovina brasileira. A InterCorte é uma realização da Verum Eventos.

     SERVIÇO

    InterCorte – Exposição Tecnológica da Cadeia Produtiva da Carne

    Data: 16 e 17 de junho

    Local: Fundação Bienal São Paulo – Pavilhão Ciccillo Matarazzo (Av. Pedro Álvares Cabral, s/n – Parque do Ibirapuera – portão 3)

    Site oficial: www.intercorte.com.br/saopaulo

    Para baixar o aplicativo para iPhone e Android, acesse: http://intercorte.com.br/app

    Facebook: www.facebook.com/verumeventos

    Fonte: Attuale

    O Portal Boi a Pasto é mídia partner do Circuito InterCorte 2016



  • IICA e Fundo Verde do Clima fecham parceria de US$ 100 milhões para projetos de redução das emissões de metano nas Américas

  • Para secretário de Inovação do Mapa, Fernando Camargo, iniciativa pode ajudar países a cumprirem meta de diminuir as emissões de metano na pecuária

    + leia mais
  • Lei de pagamento por serviços ambientais é incentivo para cuidar do pasto

  • Pesquisadores da Embrapa destacaram a ligação entre das boas práticas de manejo do pasto e a nova lei de pagamento por serviços ambientais

    + leia mais


  • Criação de sites