• Sanidade
  • Brasil será livre de aftosa com vacinação

    27/07/2015
    Afirmação é do diretor do Departamento de Saúde Animal do Mapa, Guilherme Marques

     O Brasil deve ser livre de aftosa com vacinação até dezembro deste ano. A expectativa foi reafirmada pelo diretor do Departamento de Saúde Animal do Ministério da Agricultura, Guilherme Marques, durante o XI Congresso Brasileiro e XXVII Congresso Latino Americano de Buiatria, que teve início nesta quarta-feira, 22, em São Paulo.

     “Esse ano pretendemos ter o Brasil livre de aftosa com vacinação”, afirmou. Roraima, Amazonas e Amapá ainda não possuem o status de livre de aftosa com vacinação.

      O Amapá precisa avançar para médio risco. “Se considerarmos apenas as questões epidemiológicas é uma das áreas mais favoráveis, mas as questões estruturais são fundamentais para assegurar o status a ser atingido”, diz Plínio Lopes, coordenador do Programa Nacional de Erradicação da Febre Aftosa (PNEFA).

     Nos outros dois estados é preciso avançar para zona livre de aftosa com vacinação. Os demais estados brasileiros são considerados livre de aftosa com vacinação, exceto Santa Catarina, que obteve em 2007 o status de livre da doença sem vacinação. Isso equivale a 77,2% da área e 99% do rebanho. O último caso da doença foi registrado no País em 2006, nos estados de Mato Grosso do Sul e Paraná.

     Imunização 

    O Mapa avaliará neste segundo semestre realizar alterações no calendário de vacinação no Nordeste e no Pará, que em 2014 avançaram para o status de livre de aftosa com vacinação. A ideia é vacinar todos os animais uma vez por ano e repetir a vacinação nos animais de até 24 meses na outra etapa da campanha. “Isso representa uma redução de custos para o produtor em uma região que reúne 22 milhões de cabeças”, esclarece Lopes. "Se considerarmos que 50% deste rebanho têm mais de 24 meses, são 11 milhões de animais que deixam de ser vacinados duas vezes ao ano. Considerando a vacina a R$ 2, seria uma economia de R$ 22 milhões”, calcula.     

     Fonte: Portal DBO / Marcela Caetano

     


  • Cade autoriza aquisição da Nufarm pela Sumitomo Chemical

  • Negócio foi aprovado sem ressalvas; nova companhia terá foco em pesquisa e desenvolvimento, novas moléculas e produtos pós-patentes de alta qualidade.

    + leia mais
  • Safra 2019/20 de soja tem crescimento na área 2,6%

  • De acordo com o levantamento da Conab, a safra 2019/20 de soja tem crescimento na área 2,6% maior que na última temporada.

    + leia mais


  • Escreva um comentário



  • *

    *
    *





  • Comentários (0)



  • Criação de sites