• Nutrição
  • Boa qualidade e quantidade de pasto favorece rebanho gaúcho, diz Emater

    28/01/2014
    Depois do período de déficit hídrico até o final de dezembro, a normalização do regime de chuvas na primeira quinzena de janeiro elevou a umidade do solo, favorecendo o desenvolvimento das pastagens nativas e cultivadas.

    rebanho gauchoDepois do período de déficit hídrico até o final de dezembro, a normalização do regime de chuvas na primeira quinzena de janeiro elevou a umidade do solo, favorecendo o desenvolvimento das pastagens nativas e cultivadas.

    As pastagens anuais de verão devem se manter produtivas no mínimo por mais um mês. De acordo com o Informativo Conjuntural elaborado pela Emater/RS-Ascar, na maioria das regiões produtoras de carne no Estado, temperaturas elevadas acompanhadas de chuvas frequentes favorecem o rebrote mais intenso das espécies forrageiras nativas, aumentando a qualidade e a quantidade de pasto. Nestas condições, os animais apresentam bom ganho de peso e sanidade, o que eleva a produção dos rebanhos. Bovinos O período reprodutivo do gado de corte está em andamento, com boas perspectivas para a próxima safra de terneiros. Os pecuaristas estão bastante satisfeitos com os preços recebidos, tanto pelos animais prontos para o abate como os animais de reposição. A tendência é que diminua a oferta nos próximos dias, o que deve pressionar os preços para cima. Bovinocultura de leite O rebanho leiteiro apresenta boas condições nutricionais e sanitárias. Com a intensificação do uso das pastagens de verão, os criadores que adotaram a prática do pastoreio rotativo, intercalando o uso de espécies forrageiras anuais e perenes, garantem o aumento da produção de leite. As pastagens nativas e cultivadas também foram beneficiadas pelas chuvas que amenizaram as altas temperaturas, que vinham causando estresse térmico nos animais, principalmente nas propriedades que têm arborização deficiente em torno das áreas de pastagens, onde o gado possa se abrigar dos raios solares. Em algumas propriedades, as constantes faltas de energia elétrica e as altas temperaturas estão prejudicando o resfriamento do leite. Os preços do leite pagos aos produtores baixaram, mas ainda são considerados bons.

    Fonte: Emater/RS

  • Dia Internacional do leite: um alimento que agrega muita tecnologia

  • Consumido há pelo menos sete milhões de anos, o leite de vaca é hoje é uma das commodities agropecuárias mais importantes do mundo, e está entre os cinco produtos mais comercializados no planeta...

    + leia mais
  • Por que o produtor deve fazer planejamento nutricional, por Julliano Pompei

  • Julliano Pompei, Coordenador Técnico do Departamento de Nutrição Animal da Matsuda, fala de estratégias no campo que podem ajudar o produtor.

    + leia mais


  • Escreva um comentário



  • *

    *
    *





  • Comentários (0)



  • Criação de sites